Nesta edição, você confere um especial sobre as novas campanhas eleitorais, a segunda edição da Marcha da Maconha em PG e a situação do time do Operário na Série C do campeonato paranaense.

O Correspondente Local desta semana traz uma matéria sobre os livros que cairão no vestibular da UEPG, um comentário sobre a prisão de Lula, e o especial “Assédio no esporte”.

Confira abaixo a edição completa:

Acompanhe a transmissão no nosso facebook toda sexta-feira, às 20h.

O Correspondente Local é um telejornal laboratorial produzido por alunos do terceiro ano de Jornalismo da UEPG. A cada semana uma equipe é responsável pelo fechamento da edição.

Foto: Angelo Rocha

Com a realização 45º Festival Nacional de Teatro em Ponta Grossa, os espaços culturais da cidade entram em pauta no Correspondente Local. Veja, na reportagem especial, os problemas de infraestrutura encontrados nestes lugares.

 

Câmara dos Vereadores
A cultura também está discussão na Câmara Municipal, com o trâmite do projeto "Novos Talentos", voltado à visibilidade dos artistas locais. Outra ação do legislativo é a formação de uma Comissão Especial de Investigação para a Münchenfest. Mas um projeto mais antigo ainda está parado: confira mais sobre a Lei Orçamentária Anual (LOA) no comentário da repórter Jaqueline Andriolli.

 

Aterro do Botuquara
Uma audiência de conciliação definiu que o aterro deve ser usado por mais 14 meses. Ao final do prazo, um aterro privado deve estar funcionando.

 

Vôlei
O Ponta Grossa Camuru Vôlei conquistou o Campeonato Paranaense e disputou dois jogos na Superliga. E por falar em Superliga, nesta edição você assiste a uma entrevista com dois jogadores do Sada Cruzeiro, atual vencedor desse campeonato.

 

Foto: Angelo Rocha

Com a realização 45º Festival Nacional de Teatro em Ponta Grossa, os espaços culturais da cidade entram em pauta no Correspondente Local. Veja, na reportagem especial, os problemas de infraestrutura encontrados nestes lugares.

Câmara dos Vereadores

A cultura também está discussão na Câmara Municipal, com o trâmite do projeto "Novos Talentos", voltado à visibilidade dos artistas locais. Outra ação do legislativo é a formação de uma Comissão Especial de Investigação para a Münchenfest. Mas um projeto mais antigo ainda está parado: confira mais sobre a Lei Orçamentária Anual (LOA) no comentário da repórter Jaqueline Andriolli.

Aterro do Botuquara

Uma audiência de conciliação definiu que o aterro deve ser usado por mais 14 meses. Ao final do prazo, um aterro privado deve estar funcionando.

Vôlei

O Ponta Grossa Camuru Vôlei conquistou o Campeonato Paranaense e disputou dois jogos na Superliga. E por falar em Superliga, nesta edição você assiste a uma entrevista com dois jogadores do Sada Cruzeiro, atual vencedor desse campeonato.

 

foto trabalho escravo angelo rocha

Foto: Angelo Rocha

Nesta edição do Correspondente você entende como os últimos dados sobre o desemprego no Brasil influenciam no aumento do emprego informal e em más condições de trabalho, e como a decisão do presidente Temer, através da portaria nº 1129/2017, pode dificultar o combate ao trabalho escravo. No último dia 31 de outubro, o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) divulgou os dados da pesquisa nacional por amostra de domicílios. A pesquisa revela dados que apontam um índice de 12,4% na taxa de desemprego do país, no período de julho a setembro. Nesses três meses, a quantidade de pessoas empregadas chegou a 91,1 milhões, revelando um crescimento de 1,5% na comparação com o período de abril a junho. No entanto, o aumento foi majoritariamente nos trabalhos do mercado informal, já que mais da metade dos empregos foram gerados sem carteira assinada. Com um crescimento de 288 mil pessoas sem carteira assinada o Brasil está, no contexto atual, com mais de 10 milhões de trabalhadores sem carteiras. Ainda entre os destaques, confira a cobertura do último jogo do Ponta Grossa Caramuru Vôlei e a polêmica na decisão do STF que pode aplicar restrições na doação de sangue por homossexuais.

Confira a reportagem "Com vasta produção agrícola PR pode sofrer com negligência do combate ao trabalho escravo" no tempo: 13'45" até 21'11"