Vereadores de Ponta Grossa - Celso Cieslak (PRTB)  e Guiarone de Paula Junior (PROS) - e de Teixeira Soares - Emerson Vidal dos Santos (PSD) - se reuniram, nesta segunda-feira (10), com o deputado estadual da bancada do Meio Ambiente, Jorge Gomes de Oliveira Brand (PDT), o Goura, para entregar dossiê sobre supostas irregularidades na obra do aterro construído na divisa dos dois municípios. Nesta terça-feira, os vereadores Cieslak e Guiarone, que já encaminharam a documentação para 16 entidades, entram com solicitação de investigação no Ministério Público de Ponta Grossa. 

Na última quinta-feira (06), o vereador Emerson Vidal, que é presidente da Câmara Municipal de Teixeira Soares, encaminhou ofício à prefeitura, ao Ministério Público e à Ordem dos Advogados do Brasil do município. De acordo com o vereador, os membros da Câmara não se colocam contrários ao empreendimento, mas ao local onde é construído o aterro pela proximidade do rio Guaraúna.

Para moradores de Teixeira Soares, há risco de contaminação no período de cheia do rio Guaraúna / Foto: Redes sociais e Alessandra Wosniack

 

Marilene dos Santos é uma das poucas moradoras do local e aguarda ser transferida

 

O Fórum das Águas denuncia que, cotidianamente, os moradores de regiões mais periféricas enfrentam problemas relacionados ao saneamento básico. Para agravar a situação, Ponta Grossa segue sem um Plano Municipal de Saneamento Básico (PMSB) e irregularidades no projeto apresentado pela prefeitura impediram que o documento fosse aprovado pela Câmara de Vereadores.