A proposta do governo Ratinho Junior (PSD) extingue a licença-prêmio e cria a licença capacitação

Professores são contra o fim da licença especial / Reprodução Facebook APP Sindicato

Após aprovação na terça-feira (15) em segundo e terceiros turnos, o Projeto de Lei Complementar (PLC) 09 de 2019 tem votação final prevista para esta segunda-feira (21), na Assembleia Legislativa do Paraná (Alep). A proposta do governo Ratinho Junior (PSD) extingue a licença especial, também chamada de licença-prêmio, e cria a licença capacitação, condicionada à realização de curso de formação na área em que atua o servidor.

 

Professores protestam contra a PLC 04/2019 / Reprodução Facebook APP Sindicato

O Projeto de Lei Complementar (PLC) 9/2019, que extingue a licença-prêmio dos servidores do Estado foi aprovada, em primeiro turno, na Assembleia Legislativa do Paraná (Alep), na última terça-feira (8). O PLC tem recebido críticas de sindicatos, servidores e professores da rede estadual por retirar dos servidores públicos o direito a três meses de férias remuneradas, a cada cinco anos. O texto aprovado na Alep prevê que o servidor tire a licença apenas para cursos de aperfeiçoamento.

O Restaurante Universitário da Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR) voltou a funcionar no início da última semana. O retorno se deu após aproximadamente dois meses desativado. O aumento da tarifa e a demora no atendimento são alvo de críticas por parte dos usuários do restaurante.




Relembre a matéria feita pelo Correspondente Local sobre o assunto:












Ficha Técnica
Reportagem: Tainá Lyra
Edição: Francielle Ampolini
Foto: Arquivo Portal Periódico
Supervisão: Professoras Angela Aguiar, Fernanda Cavassana
Monitores: Luiz Zak e Alex Miles
Apoio técnico: Reinaldo Santos









O Restaurante Universitário da Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR) voltou a funcionar no início da última semana. O retorno se deu após aproximadamente dois meses desativado. O aumento da tarifa e a demora no atendimento são alvo de críticas por parte dos usuários do restaurante.

Estudantes aguardam atendimento na fila do Restaurante Universitário da UTFPR | Foto: Ana Paula Almeida

Estudantes de pós-graduação da UEPG fazem protesto em defesa da educação. Foto: Caroline Franceschini

A Associação de Pós-graduandos da UEPG (APG-UEPG) promoveu, na última quarta-feira (02), um ato contra o corte de verbas que afeta a ciência e tecnologia.  O protesto teve início no período da manhã, com manifestação em frente ao Campus Central da UEPG. No período da tarde, estudantes fizeram panfletagem e conversaram com pedestres que transitavam pelo calçadão, no Centro da cidade..